Quarta-Feira, 16 de janeiro de 2019
11-01-2019
Campinas cria plano de ação entre secretarias para reduzir casos de febre maculosa

Projeto, que foi publicado no Diário Oficial desta quarta-feira, prevê a integração de 11 pastas para combater a doença, transmitida pelo carrapato-estrela

Com informações do Portal G1

A Prefeitura de Campinas (SP) criou um plano de ação para reduzir os casos de febre maculosa. O projeto, que foi publicado no diário oficial desta quarta-feira (9), prevê a integração de 11 secretarias que vão aplicar medidas de combate à doença, além de órgãos do Comitê Municipal de Prevenção e Controle das Arboviroses.

As secretarias e autarquias que vão participar do Plano de Ação Intersetorial para Prevenção da Febre Maculosa Brasileira são: Saúde, Comunicação, Cultura, Desenvolvimento Econômico, Educação, Esportes, Habitação, Recursos Humanos, Serviços Públicos, Meio Ambiente, Planejamento, Setec, Defesa Civil e Sanasa.

Entre as ações realizadas, está o controle e a limpeza constante dos espaços públicos onde há risco da presença do carrapato-estrela, transmissor da doença, para que sejam realizados eventos com grande fluxo populacional.

Além disso, nestes casos, a Vigilância Epidemiológica deve ser avisada três meses antes do evento para realizar todos os protocolos necessários.

Aumento de casos

Um levantamento do Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE) da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo mostra que Campinas é a cidade com maior número acumulado de casos de infecção por febre maculosa no período de 2007 a 2018. Ao todo, 70 pessoas foram infectadas no município.

No ano passado, Pedreira, Amparo, Americana e Limeira também registraram casos e mortes por conta da doença.

 
 
             

Rua Vergueiro, 1753/1759 - 4° e 5° andares -
Vila Mariana - São Paulo
Cep: 04101-000 - SP   [Mapa]

Fone: (11) 5908 4799 - Fax: (11) 5084 4907
Expediente: Segunda a sexta, das 8h às 12h e das 13h às 16h

   
 
Copyright 2006-2009 © CRMVSP. Todos os direitos reservados.