Sabado, 25 de maio de 2019
02-05-2019
Atuação dos zootecnistas para a alimentação humana é foco de campanha do CRMV-SP

Comemorações ao Dia do Zootecnista (13/05) envolvem palestras e premiação

Texto: Assessoria de Comunicação do CRMV-SP

O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo (CRMV-SP) lança nova campanha em comemoração ao Dia do Zootecnista (13/05), com o tema “Da produção animal até a sua mesa”. A proposta é abordar as diversas frentes de atuação do profissional para que os brasileiros possam contar com alimentos mais tecnológicos. As ações da campanha envolvem veiculação de peças publicitárias à população, palestras aos profissionais e premiação.

Se a excelência do desempenho dos zootecnistas no agronegócio brasileiro – que movimentou R$ 578,2 bilhões em 2018 – já é conhecida, essa atuação tem sido ainda mais notória no âmbito das novas soluções para a produção de alimentos de origem animal. O destaque é observado nas áreas da bovinocultura leiteira, da avicultura e piscicultura, mercados expressivos na economia do País – só em 2018 o Brasil produziu 24,45 bilhões de litros de leite (IBGE), 12,82 milhões de toneladas de carne de frango (ABPA) e 722,5 mil toneladas de pescado (Peixes BR).

De acordo com o Dr. Luiz Ayroza, zootecnista e conselheiro do CRMV-SP, os profissionais têm papel fundamental para a diversificação desses produtos, atendendo novas necessidades humanas. Tais demandas ultrapassam o aspecto nutricional e caem em campos como o de restrições e especificações geradas por problemas como alergias, intolerâncias e carências que têm sido observados no corpo humano.

A Zootecnia tem atuado fortemente, por exemplo, em projetos brasileiros que, em breve, serão responsáveis por levar às prateleiras do mercado versões de leites menos irritativos ao sistema digestivo humano e que possuem maior concentração de determinados nutrientes para reposições em casos de deficiência no organismo.

“As práticas da Zootecnia para desenvolver produtos mais inteligentes são diversas, estendendo-se dos laboratórios, passando pelo uso de softwares em escritórios, até chegar ao campo”, comenta a Dra. Ana Cláudia Ambiel, zootecnista que integra a Comissão de Ensino e Pesquisa em Zootecnia do CRMV-SP. O presidente do CRMV-SP, médico-veterinário Mário Eduardo Pulga, enfatiza a importância da atuação dos profissionais nesse novo cenário. “Temos convicção de que, ano a ano, a profissão cresce e deixa claro quão fundamental é seu trabalho na vida das pessoas e dos animais.”

Para colaborar com o conhecimento da população quanto à contribuição dos zootecnistas para a produção dos alimentos que chegam à sua mesa, as ações da campanha deste ano incluem a criação de peças informativas que serão veiculadas no dia 13 de maio, nos monitores digitais dos vagões das linhas azul, verde, vermelha e amarela do Metrô de São Paulo, nos jornais Folha de S. Paulo e Agora São Paulo, assim como nas edições das revistas DBO e Viva Saúde.

LEIA TAMBÉM:

Contribuição da Zootecnia para a alimentação humana pauta o 2º Encontro de Zootecnistas

 
 
             

Rua Vergueiro, 1753/1759 - 4° e 5° andares -
Vila Mariana - São Paulo
Cep: 04101-000 - SP   [Mapa]

Fone: (11) 5908 4799 - Fax: (11) 5084 4907
Expediente: Segunda a sexta, das 8h às 12h e das 13h às 16h

   
 
Copyright 2006-2009 © CRMVSP. Todos os direitos reservados.